Delírios do corpo

Tatiana Tavares

Tatiana Tavares

Se tu soubesses que teu corpo é o mapa das tuas vivências, as dores, as alegrias
Que é um mapa que conta tua história, os altos e os baixos
Mesmo que o outro só reconheça a superfície, o raso, a beirada
E por vezes sinta olhares de julgamento, que correm, que falam
Não precisa se esconder, nem se mostrar, nem se perder
Todos possuem caminhos próprios que formam linhas, gráficos, geometrias
Não há o certo, o errado, nem o talvez
É dentro da multiplicidade que encontramos a liberdade, a sabedoria, o perdão
Manter-se fiel a si é um ato de carinho

Tatiana Tavares
Tatiana Tavares
Tatiana Tavares
Tatiana Tavares
Tatiana Tavares
Tatiana Tavares
Tatiana Tavares
Fortaleza – CE
Fotógrafa  Professora
@tatiana.tavares_