Buscar
Voltar à home
Ensaios
Rede
Faça parte
Publicações
Loja
Quem somos
Entre em contato
Início
Ver ensaio
A autora

Crônica de Banalidades Ordinárias

Sylvia Sanchez

Crônica de Banalidades Ordinárias

O estranho: aquilo que parece fora de lugar, que não reconhecemos, cujo sentido não compreendemos. Mas quão longe está o estranho daquilo que costumamos chamar de normalidade? Não seria o estranho mais “nosso” do que costumamos perceber?
Em seu texto “O Estranho” (Das Unheimlich), Freud propõe que os principais fatores capazes de nos despertar uma sensação de estranhamento são aqueles que nos são mais intimamente familiares, “aquilo que deveria ter permanecido oculto mas veio à luz”. Com o trabalho Crônica de Banalidades Ordinárias tensiono a ideia do estranho como incomum e distante. Sobreponho os conceitos aparentemente antagônicos (mas tornados muito próximos pela pandemia) do absurdo e do quotidiano – e crio com meu próprio corpo, através de performatividade para a câmera, cenas que apresentam espaços domésticos familiares, quase vazios, povoados por objetos quotidianos fora de lugar e atravessados por gestos capturados fora da sua funcionalidade. São gestos que habitam a vida ordinária, mas que subvertem suas razões; eles rompem as barreiras do normal, sugerindo narrativas fantásticas.
As cenas congelam frações do absurdo que habita os eventos ordinários e que geralmente passa desapercebido. Reverberam a atmosfera inexpressiva e confusa daqueles que percebem que a estranheza também os espelha. Crônica de Banalidades Ordinárias foi criado e produzido entre 2016 e 2018, mas ganhou novas camadas de sentido com o Covid-19, como espécie de síntese do que se tem vivido com a pandemia: isolamento, auto-reflexão, incompreensão, estranhamento, falta de sentido – e, ao mesmo tempo, algum humor, como forma de tentar seguir a vida.

Sylvia-Sanchez_Cronica-de-banalidades-ordinarias_01-c6f4cb5f91d3c90002fd85217cff37a4
Sylvia-Sanchez_Cronica-de-banalidades-ordinarias_02-da83f7c217e4a8e701d8d71e128fc5a6
Sylvia-Sanchez_Cronica-de-banalidades-ordinarias_03-d260c0e94c05499972b5db401ef5bfca
Sylvia-Sanchez_Cronica-de-banalidades-ordinarias_04-277d5b7f7219b466a01144d4fbf5706c
Sylvia-Sanchez_Cronica-de-banalidades-ordinarias_05-884babb8b11979aff991a0a6dce38ddf
Sylvia-Sanchez_Cronica-de-banalidades-ordinarias_06-fbef331ece6bf3637ec8c6ef20e56652
Sylvia-Sanchez_Cronica-de-banalidades-ordinarias_07-995a6b4fc322ebfaf6e37cd825252c2a
Sylvia-Sanchez_Cronica-de-banalidades-ordinarias_08-774ff0538c963bae6641cc328622b374
Sylvia-Sanchez_Cronica-de-banalidades-ordinarias_09-f0f4cd61f55b03abd46732e093873395
Sylvia-Sanchez_Cronica-de-banalidades-ordinarias_10-e1fc30a4c29cee82f25a0cdb51b2c967
Sylvia-Sanchez_Cronica-de-banalidades-ordinarias_11-9650b636dd5b3125db1fcf77c8d960e4
Sylvia Sanchez
Sylvia Sanchez
São Paulo – SP
Diretora de fotografia  Fotógrafa
@_sylviasanchez_